quarta-feira, 30 de setembro de 2015

ECD auxilia aula de Geologia realizando amostragens de solo

A ECD, no mês de agosto/2015, mais uma vez auxilia os alunos e docentes do Curso de Pós Graduação em Gerenciamento de Áreas Contaminadas do SENAC
Diferente da participação nas demais aulas (por exemplo, essas de 2015 e 2014), que foram realizadas nas aulas de Técnicas de Investigação de Áreas Contaminadas, desta vez, a atividade da ECD foi na aula de Geologia e Pedologia, a 1a disciplina dos alunos ingressantes, executando amostragens de solo, o que foi particularmente proveitoso, pois eles já puderam ter uma experiência prática com uma importante atividade executada com a melhor abordagem possível logo no início do curso, criando um diferencial positivo para o curso.
Seguindo as diretrizes já amplamente divulgadas pela ECD em muitos textos como esse, as amostragens de solo foram realizadas na zona saturada até o limite dos equipamentos ou de recuperação de amostras. Como ferramentas, foram utilizados o Dual Tube e o Piston Sampler (maiores informações sobre as metodologias aqui)
As amostras foram coletadas na sexta-feira e no sábado pela manhã, e os alunos, na aula propriamente dita realizada no sábado à tarde, puderam observar, manipular e descrever o material coletado com a orientação e supervisão da responsável pela disciplina, a professora Doutora Annabel Perez Aguilar , pesquisadora do Instituto Geológico (IG), do Coordenador do curso, o professor Doutor Rodrigo Cunha, do Diretor Técnico da ECD, Marcos Tanaka Riyis, e do experiente Geólogo Marcos Araújo, ex-aluno do curso de Remediação de Áreas Contaminadas do SENAC.
Os alunos tiveram a oportunidade de: observar uma amostragem de solo em uma situação pouco favorável (solo arenoso saturado muito heterogêneo); verificar que a heterogeneidade do meio físico é muito grande e precisa ser plenamente entendida para que as etapas subsequentes do processo de investigação (por exemplo, a instalação de poços de monitoramento) sejam adequadas; visualizar e sentir as diferentes cores, minerais e texturas que formam o manto de alteração no site; subsidiar a elaboração de perfis estratigráficos e seções geológicas que serão a base de um modelo conceitual mínimo.
Para a ECD, além do prazer em colaborar com a formação dos profissionais que já atuam no nosso mercado e com esse importante curso, foi mais uma oportunidade para propagar a nossa mensagem: "Amostrai o Solo e Terás um Bom Modelo Conceitual..."


Sonda posicionada, ferramentas arrumadas, iniciando o pré-furo manual de segurança

 Avaliação do material coletado no pré-furo

Retirada das hastes externas do Dual Tube após amostragem

Avaliação Tátil-Visual do perfil, em detalhe


Preparação das ferramentas Dual Tube para novo ponto

Amostras arrumadas, prontas para a descrição na aula

Sonda posicionada para iniciar amostragem com Dual Tube


 Sonda posicionada para iniciar amostragem com Dual Tube

Dificuldade na recuperação de amostras devido ao pre-heave exigiu mudança para Piston Sampler

Amostra de areia saturada totalmente recuperada, graças ao uso do Piston Sampler com core catcher

2o dia de amostragem, agora com a sonda AMS-Power Probe 9100-ATV

Pré-furo manual de segurança no 7o ponto de amostragem


Turma observando atentamente à amostragem Dual Tube executada pela ECD


Alunos realizando a descrição tátil-visual das amostras de solo

Alunos realizando a descrição tátil-visual das amostras de solo

Alunos realizando a descrição tátil-visual das amostras de solo, com orientação da professora

Alunos realizando a descrição tátil-visual das amostras de solo


Alunos realizando a descrição tátil-visual das amostras de solo

Alunos realizando a descrição tátil-visual das amostras de solo

 Power Probe 9100-ATV executando amostragem de solo Dual Tube 

Nenhum comentário:

Postar um comentário